Notícias

BIÓLOGA APRESENTA PROJETO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA SNCT 2016

MCTI_SNCT2016_Logo
BIÓLOGA APRESENTA PROJETO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA SNCT 2016

O Programa Ciência na Escola (PCE) é coordenado pela Bióloga e Professora da rede estadual Leila Fernanda Valeriano de Moraes. Edição regional do evento ocorreu no Centro de Convivência da Família Magdalena Arce Daou, em Manaus.

Nos dias 10 e 11 de novembro, a equipe do Programa Ciência na Escola (PCE), participou da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2016. Com o tema "Ciência Alimentando o Brasil", o estande do programa esteve repleto de fotos, vídeos, banners e outros materiais elaborados durante os 6 meses de projeto, desenvolvido na Escola Estadual Governador Melo e Povoas, em Manaus, sob a coordenação da Bióloga, Especialista em Metodologia de Ensino de Ciências Biológicas, Leila Fernanda Valeriano de Moraes.
O objetivo do estande, segundo o estudante e membro do PCE Rodolfo Valentim Vieira, "É conscientizar sobre o meio ambiente e o crescimento de fatores prejudiciais ao mesmo, como poluição por combustíveis fósseis, queimadas, poluição por materiais não-recicláveis, desmatamento e doenças tropicais". O estudante explicou que durante o programa, os alunos participam de aulas teóricas e práticas, sendo realizadas ações que contribuem para a sociedade, como visitas à residências para a descontaminação e prevenção à Dengue e Zika Vírus.
Paulo Vítor, estudante e membro do PCE, existem ações que os cidadãos podem realizar para melhorar o meio ambiente: "É importante se manter informado (sobre as questões ambientais) e reciclar materiais que às vezes não damos atenção, como as latinhas, que são fáceis de reaproveitar". Ele ressalta os problemas causados pelo homem à Floresta Amazônica: "Enquanto tivermos menos área verde, maior será o número de lixões a céu aberto, que soltam uma substância tóxica chamada chorume; Há também as substâncias despejadas no ar através dos veículos, o monóxido e o dióxido de carbono, altamente poluentes, interferindo na natureza, no nosso clima, colaborando para o efeito estufa e a chuva ácida."

SOBRE O PROGRAMA
O Governo do Estado, por meio de parceria institucional firmada entre a Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam) e também Secretaria Municipal de Educação (Semed Manaus) criou um novo modelo de educação que se tornou referência nacional ao levar a alfabetização científica para estudantes da rede pública de Ensino. Trata-se do Programa Ciência na Escola (PCE) que já possibilitou a inserção de 7,7 mil estudantes do Amazonas no "mundo científico".

Com informações do Governo do Estado do Amazonas e Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações – Brasília.

Imagens: CRBio-06.