Notícias

Inpa abre seleção para Mestrado Profissional em Gestão de Áreas Protegidas da Amazônia

A Coordenação de Capacitação do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTIC) lançou edital de seleção para o curso de Mestrado Profissional em Gestão de Áreas Protegidas da Amazônia (MPGAP), para ingresso no ano acadêmico de 2019. O 9º curso do MPGAP oferece 20 vagas.

De acordo com o Edital 26 - 2018 MPGAP, as inscrições para os exames de ingresso serão realizadas até 16 de dezembro deste ano, por meio do formulário online, disponibilizado no site http://w2.portais.atrio.scire.net.br/inpa-mpgap/index.php/pt/.

O processo seletivo ocorrerá em duas etapas. A primeira etapa será constituída de três provas e terá caráter eliminatório. A segunda etapa consistirá de análise de currículo e de carta de intenções e, se necessário, de entrevista. Esta etapa terá caráter classificatório.

Das 20 vagas destinadas à concorrência pública, cinco serão destinadas a candidatos de outros países que compõem a Bacia Amazônia e cinco reservadas para projetos do governo do estado do Amazonas.

Para concorrer a uma das vagas, o candidato precisa entregar os documentos diretamente na Secretaria Conjunta Botânica-MPGAP, Campus I do Inpa, localizada na Av. André Araújo, 2936, Petrópolis, Manaus-AM ou enviar pelos Correios com postagem até as 18h do dia 16 de dezembro, endereçado ao Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), Secretaria Conjunta Botânica-MPGAP, Campus I, Av. André Araújo, 2939, Petrópolis, CEP 69.067-373, Manaus/AM

As matrículas dos aprovados deverão ser efetuadas de 11 a 22 de março de 2019. As atividades do Curso terão início em 22 de abril e a parte presencial obrigatória será ministrada até 28 de junho de 2019 em regime ininterrupto, incluindo excursões de campo. Mais informações disponíveis no edital.

Saiba Mais

O mestrado profissional é modalidade de formação em nível de pós-graduação strictu sensu, que possibilita a capacitação de pessoal para a prática profissional avançada, por meio da incorporação de métodos científicos inovadores e interdisciplinares, assegurando ao aluno todos os direitos inerentes ao título de mestre, reconhecido nacionalmente pelo MEC e credenciado pela Capes. O MPGAP é foi classificado, em 2017, pela CAPES/MEC, com nota 3.

Gestão de Áreas Protegidas na Amazônia

O mestrado profissional em Gestão de Áreas Protegidas da Amazônia do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - INPA é construído em parceria com a Escola Latino Americana de Áreas Protegidas – ELAP, da Universidade para a Cooperação Internacional da Costa Rica – UCI e apoio da Agência de Cooperação Técnica Alemã – GTZ e visa atender uma demanda crescente e urgente de qualificação de mão de obra para realizar a tarefa de cuidar destes espaços protegidos na Amazônia.

Esta gestão deve, necessariamente, ser multidisciplinar e exige a colaboração entre diferentes instituições, cobrindo aspectos da economia, legislação, administração e desenvolvimento local, que complementam a experiência em biologia, planejamento, gestão financeira, engenharia florestal e de pesca, agronomia e ecologia visando ajudar os gestores a realizar a articulação, facilitação e execução do processo de gestão.

Fonte: http://portal.inpa.gov.br/index.php/component/cont...