Notícias

Cursos de Biologia recebem o Selo CFBio de Qualidade em Brasília

O Conselho Federal de Biologia (CFBio) realizou ontem (10), a outorga do Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas - Edição 2015. A cerimônia ocorreu durante o Fórum Nacional do Sistema CFBio/CRBios e Coordenadores de Cursos de Ciências Biológicas, que acontece nesses dias 10 e 11 de setembro, no Centro de Eventos do ALLIA Gran Hotel, em Brasília. No total, 11 cursos foram agraciados.

Participaram da cerimônia o chanceler da Universidade Vila Velha, Manoel Ceciliano Salles de Almeida; a diretora Rita de Cássia de Moura, representando o reitor da Universidade de Pernambuco, Pedro Henrique de Barros Falcão; a vice-presidente do CFBio, Geni Conceição de Barros Cáuper, além de presidentes dos Conselhos Regionais de Biologia, conselheiros federais, membros da CFAP dos CRBios e cerca de 40 coordenadores de cursos de Instituições de Ensino Superior do Brasil.


O Presidente do CRBio-06, Drº Edinbergh Caldas de Oliveira, participou da entrega do Selo CFBio de Qualidade ao Coordenador do Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Mackenzie, Adriano Monteiro de Castro (foto).

Foram convidados para compor a mesa o presidente do CFBio, Wlademir João Tadei, o membro do Conselho Nacional de Educação, Luiz Fernandes Dourado, a presidente do CRBio-03, Clarice Luz, a coordenadora da Comissão de Formação e Aperfeiçoamento Profissional - CFAP do CFBio, Vera Lúcia Callegaro, e a coordenadora da Comissão de Educação do CFBio, Fátima Inácio de Araújo.

O Selo CFBio será concedido bienalmente aos Cursos de Ciências Biológicas. Nesta edição de 2015, o CFBio contou com 254 Cursos pré-selecionados. Destes, 84 participaram do certame encaminhando a documentação solicitada. Ao final do processo, foram selecionados 11 Cursos, sendo oito de Bacharelado e três de Licenciatura.

A análise dos cursos levou em conta indicadores avaliativos, considerando o projeto pedagógico de curso - PPC, os instrumentos de avaliação do curso / MEC, como CPC e nota do ENADE acima de 4, bem como a atuação profissional de seus egressos.

Receberam a honraria os coordenadores e professores:


Marcos Paulo Machado Thomé - curso de Bacharelado em Ciências Biológicas da Faculdade Redentor

Matheus Parmegiani Jahn - curso de Bacharelado em Ciências Biológicas da Universidade Caxias do Sul

Ana Maria de Ataídes - curso de Bacharelado em Ciências Biológicas da Universidade de Pernambuco

José Mauricio Dias Bezerra - curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Estadual do Maranhão

Marconi Souza Silva - curso de Bacharelado em Ciências Biológicas da Universidade Federal de Lavras

Marcelo Pereira de Barros - curso de Bacharelado em Ciências Biológicas da Universidade Feevale

Adriano Monteiro de Castro - curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Presbiteriana Mackenzie

Albanin Mielviczki Pereira - curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões

Zilma Maria Almeida Cruz - curso de Bacharelado em Ciências Biológicas da Universidade Vila Velha

Miguel Angelo Andrade - cursos de Bacharelado e Licenciatura em Ciências Biológicas da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - PUC Minas

O Fórum teve início por volta das 19h30. Em sua fala na abertura do evento, o presidente do CFBio, Wlademir João Tadei, afirmou que o Fórum dá continuidade aos eventos realizados pelo Sistema CFBio/CRBios ao longo de anos, buscando melhores estratégias para garantir ao Biólogo um exercício profissional qualificado. "O Sistema tem contribuído com o Ministério da Educação nos estudos relativos à proposição de diretrizes curriculares e de carga horária mínima", declarou.

O presidente reforçou que o Selo visa despertar o interesse para a melhoria dos Cursos no país, de forma que seus egressos possam oferecer à sociedade um trabalho de qualidade, dentro de princípios éticos e de excelência profissional. "A compreensão de que há necessidade de melhorar, de aperfeiçoar, de se inserir no contexto social atual está presente no cotidiano dos Cursos de Ciências Biológicas, ratificada pelos seus egressos que se lançam no mercado de trabalho", afirmou Tadei.

Durante a solenidade, o professor Marcelo Pereira de Barros, coordenador do curso de Bacharelado em Ciências Biológicas da Universidade Feevale, parabenizou a iniciativa do CFBio em nome de todos os agraciados com o Selo CFBio, Edição 2015. "Ter recebido o Selo este ano só fortalece a nossa responsabilidade de mantê-lo nas próximas edições", enfatizou.

Para cada edição, o Conselho constituirá a Comissão CFBio de Cursos para avaliação e outorga da honraria. A outorga do Selo às IES agraciadas acontecerá sempre no mês de setembro, coincidindo com as comemorações do Dia do Biólogo, celebrado em 3 de setembro em homenagem à regulamentação da profissão, em 1974.

DIRETRIZES CURRICULARES

A conferência de abertura do Fórum Nacional do Sistema CFBio/CRBios foi proferida pelo professor e membro do Conselho Nacional de Educação, Luiz Fernandes Dourado, da Universidade Federal de Goiás. O tema da conferência foi "Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação Inicial e Continuada dos Profissionais do Magistério da Educação Básica".

O professor Luiz Fernandes Dourado (foto) elogiou a iniciativa do CFBio de criar um Selo com o objetivo de jogar luz sobre a qualidade do ensino de Ciências Biológicas nas instituições de ensino brasileiras. Sobre as diretrizes curriculares, Dourado ressaltou a importância de maior ênfase à tolerância com as diferenças. "O reconhecimento da diversidade é fator de impacto e tem interface muito grande na formação de crianças, jovens e idosos", defendeu.

Além disso, o professor Dourado defendeu maior articulação, de forma orgânica e sistêmica, entre as instituições de ensino superior e as de ensino básico no Brasil.

Com informações da ASCOM CFBio.

Créditos das Imagens: CRBio-06 e CFBio.