Oportunidades Profissionais

Cursos da ANA abrem inscrições para 2 mil vagas

Três cursos a distância oferecidos pela Agência  Nacional de Águas (ANA) recebem inscrições até 27 de junho. No total são oferecidas 2 mil vagas para as seguintes capacitações gratuitas: Comitê de Bacia: o que É e o que Faz (900 oportunidades), Comitês de Bacias: Práticas e Procedimentos (900) e Codificação de Bacias Hidrográficas pelo Método de Otto Pfasfstetter (200). Para se inscrever, acesse ead.ana.gov.br. Os selecionados receberão um e-mail no dia 28 informando os procedimentos para participação. Os alunos que tiverem 60% de aproveitamento nas atividades desenvolvidas receberão certificado.
 
Os três cursos contam com uma carga de 20 horas e têm início marcado para 1º de julho. Os dois sobre comitês de bacias se encerrarão em 26 de julho e o de Codificação de Bacias Hidrográficas pelo Método de Otto Pfasfstetter será concluído no dia 19. As capacitações não contam com tutoria ou participação direta de professores. Por isso, a interação se dá entre o aluno e o computador, o que permite que o aprendizado se dê a partir do ritmo e da disponibilidade de tempo do participante.
 
Os dois cursos sobre comitês são voltados para agentes gestores de recursos hídricos, membros de comitês de bacias e interessados em geral. A capacitação sobre práticas e procedimentos busca ensinar a dinâmica de funcionamento desses colegiados a fim de melhorar sua gestão. A outra capacitação no tema visa a ampliar o entendimento sobre as atribuições e responsabilidades de um comitê e incentivar a participação da sociedade na gestão da água.
 
No caso do curso de Codificação de Bacias Hidrográficas pelo Método de Otto Pfasfstetter, o objetivo é capacitar profissionais do Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos (Singreh), órgãos ambientais e afins sobre a codificação oficial de bacias no Brasil: o Método Otto Pfasfstetter.
 
Projeto Água – Conhecimento para Gestão
 
Até 30 de junho dois cursos do Projeto Água – Conhecimento para Gestão recebem inscrições: Governança da Água na América Latina e Medição de Vazão pelo Método Acústico Doppler (ADCP) – Básico. A iniciativa é uma parceria entre a ANA, a Fundação Parque Tecnológico de Itaipu (FPTI) e a Itaipu Binacional, cujo objetivo é desenvolver ações de comunicação, difusão, mobilização social, capacitação e educação para a gestão de recursos hídricos no Brasil e demais países da América Latina. São 24 cursos de capacitação complementar, além de ferramentas de educomunicação, que atingirão 300 mil pessoas até julho de 2014.
 
Com 30 vagas, a turma do curso Governança da Água na América Latina é para alunos que falem espanhol. Voltada para técnicos e profissionais de órgãos gestores de recursos hídricos e integrantes de organizações sociais e colegiados relacionados a recursos hídricos, a capacitação tem carga de 40 horas a distância, que devem ser concluídas entre 4 de julho e 25 de agosto.
 
O curso Medição de Vazão pelo Método Acústico Doppler (ADCP) – Básico também oferece 30 vagas para alunos que falem português ou espanhol e será realizado tanto a distância (12h) quanto presencialmente (40h). Foz do Iguaçu (PR) receberá as aulas presenciais entre 5 e 9 de agosto, sendo que o aluno deverá ter uma frequência mínima de 75%. As despesas com deslocamento, hospedagem e diárias são de responsabilidade do participante ou de sua instituição de origem.